Dieta da sopa de repolho: vale a pena fazer?

A dieta da sopa de repolho é um regime bastante restritivo que muitas pessoas estão utilizando para perder peso rápido. Mas será que vale a pena fazer essa dieta?

No artigo abaixo vamos falar sobre os detalhes dessa dieta, e explicar por que pode não ser uma boa ideia fazer esse tipo de regime restritivo para emagrecer.

Como funciona a dieta da sopa de repolho

A dieta da sopa de repolho é um regime da moda com uma promessa bastante tentadora, que é ajudar a pessoa a perder até 5 kg em apenas 7 dias.

dieta-da-sopa-de-repolho-detalhes-importantesA dieta dura 7 dias, e durante esse período é preciso seguir um cardápio bastante sem graça e muito restritivo.

Por ser um regime restritivo, a dieta da sopa de repolho apresenta muito mais desvantagens do que vantagens.

A principal desvantagem, tem a ver com o cardápio restritivo. Ao fazer essa dieta, a pessoa pode sofrer muito durante os 7 dias. Por exemplo, pode ter muita dor de cabeça, tonturas, cansaço, sonolência, irritação, fraqueza.

Além disso, a fome é um grande inimigo de quem faz esse tipo de dieta. Imagina, ficar 7 dias seguindo um cardápio extremamente limitado, a fome é de matar!

Outra desvantagem muito perigosa, é que as dietas restritivas são grandes aliadas do efeito sanfona. Calma, vamos explicar por quê.

As dietas restritivas e o efeito sanfona

Quando uma pessoa faz uma dieta muito restritiva, o organismo entra em estado de alerta, e reduz a velocidade do metabolismo. Isso é um mecanismo primitivo de proteção, que era essencial para a sobrevivência no passado, quando os alimentos eram escassos.

Hoje em dia, temos muitos alimentos a nossa disposição, no entanto, o organismo ainda conserva os seus mecanismos primitivos de proteção, e eles entram em ação logo que uma pessoa começa uma dieta restritiva.

Mas qual o perigo disso para quem deseja emagrecer?

Quando a dieta restritiva faz soar o alarme do organismo, e acontece a redução do metabolismo, o corpo começa a gastar menos energia. O problema disso é quando a pessoa termina a dieta, e volta a comer normalmente, a quantidade de calorias ingeridas diariamente acaba sendo muito maior do que as necessidades do corpo.

O que acontece é que o excesso de calorias acaba se transformando em gorduras no corpo, e a pessoa volta a ganhar pessoa rapidinho. Essa é a manifestação do tão famoso efeito sanfona.

É por isso que não vale a pena fazer dieta restritiva para emagrecer – exceto em casos especiais, sob orientação de um profissional de saúde.

Mas então o que fazer para emagrecer mais rápido?

O caminho mais seguro e eficaz para emagrecer mais rápido, é adotar hábitos alimentares mais saudáveis e fazer exercícios físicos de alta intensidade.

No entanto, para que o seu processo de emagrecimento seja seguro e o mais eficaz possível, é importante que você busque orientações de profissionais sérios e atualizados.

No que diz respeito aos exercícios, é possível fazê-los em casa, o que é bom para quem dispõe de pouco tempo ou não gosta de academias. Alguns profissionais de Educação Física oferecem aulas on-line de exercícios de alta intensidade [veja aqui], portanto, essa é uma opção interessante que você pode considerar.

Considerações finais

Fazer dietas restritivas para perder peso, pode não ser uma alternativa interessante para quem deseja emagrecer e manter um peso saudável ao longo do tempo.

Esse tipo de dieta pode até proporcionar uma rápida perda de peso, o que ilude muita gente, no entanto, o risco de dar tudo errado é muito mais alto do que as possibilidades de sucesso a médio e longo prazo.

Cadastre-se Agora e Receba Nosso Livro Digital e Nossas Dicas de Emagrecimento Saudável No Seu Email. Aproveite, É Grátis!

100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!