Dieta Ravenna: descubra como funciona esse método

A Dieta Ravenna é um método emagrecedor desenvolvido pelo médico e terapeuta argentino Máximo Ravenna.

Diferente de outros tipos de dieta, o método Ravenna propõe o acompanhamento de uma equipe multidisciplinar, de maneira a motivar a pessoa que deseja emagrecer e potencializar os seus resultados.

No artigo abaixo você descobrirá como funciona a Dieta Ravenna, portanto, se você tem interesse nesse método emagrecedor, leia o texto com bastante atenção.

Como funciona a Dieta Ravenna

A Dieta Ravenna tem o foco na educação comportamental, e não na reeducação alimentar. Isso a torna bastante diferente de outras dietas famosas, como a Dieta Dukan, por exemplo. Ela foi criada em Buenos Aires em 1991, mas só chegou ao Brasil em 2009, entretanto, já conquistou muitas pessoas por aqui.

Dieta Ravenna para perder pesoO Método Ravenna trabalha com três pilares: corte, medida e distância.

O corte quer dizer cortar os excessos alimentares, a compulsão alimentar e também o número de refeições realizadas pela pessoa que está em tratamento.

A medida tem relação com a quantidade de comida ingerida diariamente, e com a redução das medidas corporais.

A distância quer dizer afastar a pessoa da comida enquanto uma maneira de compensar frustrações, tristezas, ansiedades, etc. Esse pilar é importante para eliminar a compulsão alimentar, que muitas vezes faz com que a pessoa coma muito mesmo sem estar com fome.

Para conseguir trabalhar todos esses pilares, a pessoa que decidir fazer a Dieta Ravenna precisa do acompanhamento da equipe multidisciplinar, que deve ser formada por uma nutricionista, um psicólogo e um educador físico.

A nutricionista ajudará o indivíduo a montar um cardápio individualizado, ou seja, que respeite as características do seu organismo.

O psicólogo será o responsável pelo apoio psicológico(emocional), sendo que, além da terapia, a recomendação é que a pessoa participe dos chamados grupos terapêuticos, onde poderá compartilhar com outras pessoas seus sucessos e insucessos, suas angústias e medos.

Os grupos terapêuticos são muito importantes para ajudar a pessoa a ressignificar sua relação com a comida. Além disso, eles ajudam a manter a motivação sempre em alta, diminuindo desistências e recaídas. Os encontros com o psicólogo podem ser semanais, quinzenais ou mensais, dependendo do quadro clínico do indivíduo.

O educador físico é outro profissional essencial no Método Ravenna, pois é ele o responsável por prescrever atividades físicas adequadas a cada caso. É importante esclarecer que os exercícios físicos são muito importantes para ajudar na redução das medidas, e também para fortalecer os músculos e deixar o corpo mais saudável.

A alimentação na Dieta Ravenna

A Dieta Ravenna não exclui nenhum grupo alimentar do cardápio, no entanto, ela exclui alguns alimentos ricos em carboidratos simples, como bolos, massas, pão francês. Esses alimentos são de alto índice glicêmico, e aumentam os níveis de insulina no sangue, o que pode levar ao aumento da fome e favorecer a formação de depósitos de gordura no corpo.

Alimentos processados, doces industrializados, frituras e queijos amarelados também devem ser excluídos. Alimentos muito gostosos que podem vincular perigosamente o ato de comer à sensação de prazer também são cortados, isso para evitar problemas como a compulsão alimentar.

A proposta do Método Ravenna é incluir no cardápio alimentos que contenham carboidratos complexos e fibras. Eles ajudam a melhorar o funcionamento do intestino e dão mais saciedade. Cereais, frutas, verduras e grãos integrais são exemplos de alimentos que podem constar no cardápio.

Quantidade de calorias que podem ser ingeridas diariamente

A quantidade de calorias que podem ser ingeridas diariamente vai depender de cada caso, portanto, na Dieta Ravenna não existe um padrão único no que diz respeito à quantidade ideal de calorias que deve ser ingerida todos os dias.

Em alguns casos pode ser recomendado o uso de suplementos alimentares, no entanto, isso vai depender da avaliação dos profissionais que estiverem acompanhando o caso.

Em contraste com outras dietas, na Dieta Ravenna a recomendação é fazer apenas 4 refeições por dia: café da manhã, almoço, lanche da tarde e jantar.

A explicação é que comer de 3 em 3 horas pode levar a exageros alimentares. Para combater esse problema, o Método Ravenna propõe fazer menos refeições, e seguir alguns pequenos rituais antes de cada refeição.

Por exemplo, no jantar é preciso primeiro tomar um caldo quente, para diminuir a ansiedade. Depois, a recomendação é comer uma salada verde para aumentar a sensação de saciedade. Só depois a pessoa pode comer o prato principal, que deve incluir proteína e um acompanhamento. Por último, pode ser servida uma sobremesa.

Em todas as refeições a pessoa deve tomar um líquido quente antes de comer. Isso tem a função de acalmar a pessoa e ativar a saciedade, de forma a favorecer a tomada de consciência do que está sendo ingerido, e evitar refeições muito rápidas que podem culminar em excessos alimentares.

A transição alimentar

Quando a pessoa alcançar o peso ideal, o método propõe uma transição alimentar. Assim, os alimentos que foram cortados durante o tratamento vão sendo reintroduzidos aos poucos no cardápio, de forma a identificar se alguns deles provocarão alterações comportais capazes de levar ao comer excessivo.

Quantos quilos é possível perder?

A perda de peso vai depender de cada pessoa, no entanto, em média, homens podem perder de 7% a 10% do seu peso no primeiro mês de dieta. No caso das mulheres, elas podem perder 5% a 7% do peso no mesmo período de tempo.

Por exemplo, um homem com 95 quilos pode perder até 9,5 kg no primeiro mês. Já uma mulher com o mesmo peso pode perder até 6,65 kg no mesmo período de tempo.

Quanto tempo dura esse regime?

O Método Ravenna é dividido em duas fases: redução e manutenção.

A fase de redução consiste na restrição alimentar e na perda de peso. Sua duração vai depender do metabolismo de cada pessoa. Assim, ela só termina quando a pessoa atinge o peso ideal.

A fase da manutenção dura a vida inteira. Nela é realizada a reintrodução dos alimentos que foram cortados. Isso deve ser feito com acompanhamento nutricional e reeducação alimentar.

Considerações finais

A Dieta Ravenna é um método emagrecedor diferente de outras dietas famosas. Sua principal característica é o foco na educação comportamental, e a exigência de acompanhamento por uma equipe multidisciplinar.

Se você deseja fazer essa dieta, procure a orientação de profissionais de saúde qualificados. Não tente seguir esse método de emagrecimento por conta própria.

Recomendados Para Você:

Cadastre-se Agora e Receba Nosso Livro Digital e Nossas Dicas de Emagrecimento Saudável No Seu Email. Aproveite, É Grátis!

100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!