Dieta sem carboidrato prejudica a saúde – Saiba o que fazer

Muitas vezes, a primeira atitude que as pessoas têm quando desejam emagrecer é começar uma dieta sem carboidrato. Riscam do cardápio pães, massas e arroz. Mas esse tipo de dieta não pode ser seguido por mais de 7 dias, visto que parar de ingerir carboidratos por longos períodos de tempo pode fazer muito mal à saúde.

Mas o que fazer para emagrecer sem precisar retirar os carboidratos da alimentação? Veja a resposta no artigo abaixo.

Dieta sem carboidrato não emagrece! Isso mesmo!

Pode até parecer estranho, mas cortar os carboidratos não fará você perder peso de verdade.

Calma, eu vou explicar!

dieta sem carboidratoQuando uma pessoa começa uma dieta sem carboidrato — como a dieta da proteína, por exemplo —, normalmente ela passa a ingerir mais proteínas e lipídeos. O problema é que os carboidratos são a principal fonte de energia do organismo, e quando eles são cortados da alimentação, a pessoa pode sofrer com tonturas, irritabilidade, fadiga, perda de concentração, insônia, dentre outros desconfortos.

Esse tipo de dieta até provoca emagrecimento rápido, no entanto, isso não ocorre, necessariamente, por causa da perda de gordura. Na verdade, o que a pessoa perde são os líquidos e certa quantidade de massa magra.

A falta de carboidratos leva o corpo a recorrer às reservas de glicose que ficam armazenadas nos músculos e no fígado. Ele queima essas reservas para conseguir energia, e só recorre às gorduras quando as reservas de glicose são esgotadas. Esse processo gera perda de massa muscular e provoca flacidez.

Outro problema é que a conversão de gordura em energia provoca a liberação de substâncias chamadas corpos cetônicos. Em excesso os corpos cetônicos podem prejudicar as células, além disso, provocam mau hálito.

Uma dieta sem carboidrato também leva o metabolismo a ficar mais lento, pois o organismo começa a economizar energia para dar conta das atividades do dia-a-dia. Assim, quando a pessoa termina a dieta, normalmente volta a engordar, pois o metabolismo desacelerado favorece o acúmulo de energia.

Mas o que fazer então?

Consuma os tipos certos de carboidratos!

Para perder peso você não precisa seguir uma dieta sem carboidrato. O segredo é consumir os carboidratos certos, e isso quer dizer que você deve comer alimentos que contenham carboidratos complexos.

Os carboidratos complexos possuem baixo índice glicêmico (IG). Isso quer dizer que eles demoram mais para ser transformados em açúcar. Isso favorece a manutenção dos níveis adequados de insulina no sangue, evitando quedas bruscas de glicose. Esse efeito ajuda a manter a fome sob controle, e evita o armazenamento de gordura — a insulina em excesso favorece o acúmulo de gordura no corpo.

Os carboidratos complexos fornecem energia ao corpo de maneira constante, portanto, você deve incluí-los na sua alimentação, juntamente com outros nutrientes importantes para a saúde.

Os alimentos que são ricos em carboidratos complexos, e que podem ajudar você a perder peso, possuem IG igual ou menor que 55. Por outro lado, os alimentos com IG igual ou maior que 56 devem ser consumidos com cautela.

Você pode ver uma lista com os alimentos ricos em carboidratos complexos, e um cardápio balanceado, AQUI.

Você entendeu né? Para emagrecer não é preciso fazer uma dieta sem carboidrato. O que é preciso fazer é se alimentar de maneira equilibrada e saudável.

Não se esqueça dos exercícios físicos

Para emagrecer e manter o peso ideal não basta simplesmente comer carboidratos complexos e seguir uma dieta balanceada. É importante também fazer exercícios físicos com frequência.

Os exercícios físicos são úteis para ajudar na queima de gordura, evitar flacidez, melhorar a capacidade cardiorrespiratória, fortalecer os ossos e os músculos, proporcionar bem-estar e previr doenças.

AQUI você encontra uma lista com os melhores exercícios para emagrecer, confira!

Recomendados Para Você:

Cadastre-se Agora e Receba Nosso Livro Digital e Nossas Dicas de Emagrecimento Saudável No Seu Email. Aproveite, É Grátis!

100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

1 Comentário

  1. Alberto disse:

    ”Na verdade, o que a pessoa perde são os líquidos e certa quantidade de massa magra.”

    Acho melhor pesquisar mais antes de sair publicando uma besteira dessas, é comprovado por vários estudos científicos que uma das restrições alimentares mais eficazes para perda de peso preservando uma grande parte da massa muscular são dietas com baixo índice de carboidrato, dietas cetogênicas e etc.