Efeito sanfona: o que é e como prevenir

O efeito sanfona é um problema muito sério enfrentado por milhões de pessoas no mundo inteiro. Quem sofre com esse problema engorda e emagrece repetidas vezes, sendo que ele normalmente acontece após o término de dietas muito restritivas.

Nas próximas linhas eu vou explicar como acontece o efeito sanfona, e o que você pode fazer para prevenir esse problema.

Como funciona o efeito sanfona e quais suas consequências

O organismo humano é muito inteligente, e age rapidamente quando percebe que alguma coisa está ameaçando a sua integridade. Portanto, quando você faz uma dieta muito restritiva, e começa a emagrecer rapidamente, seu organismo entende que alguma coisa está muito errada, então, ele dá um jeito de diminuir a velocidade do metabolismo, e passa a economizar energia.

efeito sanfonaQuando isso acontece, seu corpo diminui consideravelmente a queima de calorias, assim, quando você termina a dieta restritiva, e volta a comer de tudo, seu organismo começa a acumular energia, pois ele está no “modo de economia”, e não necessita de toda a energia fornecida pelos alimentos que você consome.

O resultado disso é que rapidamente você ganha todo o peso que perdeu. E para piorar, o organismo cria resistência à perda de peso, tornando o processo de emagrecimento cada vez mais difícil.

Além disso, o efeito sanfona pode favorecer o surgimento de vários problemas de saúde, como enfraquecimento do sistema imunológico, elevação dos níveis de colesterol ruim, hipertensão, doenças coronárias, dentre outros.

Como prevenir o efeito sanfona

Se você deseja emagrecer e manter o peso ideal ao longo do tempo, precisa mudar as suas atitudes para evitar cair no efeito sanfona.

Eu vou te dar algumas dicas que podem te ajudar a mudar os seus hábitos, de forma que você consiga emagrecer com saúde.

1 – Fuja das dietas restritivas

As dietas milagrosas, ou seja, aquelas muito restritivas que prometem resultados mirabolantes, são as maiores causadoras do efeito sanfona, afinal, elas representam uma ameaça para o organismo, levando-o a reduzir o metabolismo e economizar energia. Fuja dessas dietas.

Ao invés de fazer essas dietas malucas, mantenha-se firme na reeducação alimentar, pois só assim você conseguirá emagrecer com saúde e de maneira definitiva.

2 – Evite o consumo de adoçantes

Já foi comprovado pela ciência que os adoçantes aumentam a absorção de açúcar e favorecem o ganho de peso. Além disso, eles fazem mal à saúde. Portanto, não caia na armadilha de achar que adoçantes podem ser consumidos sem ressalvas.

3 – Não tome medicamentos para emagrecer por conta própria

Os remédios para emagrecer são verdadeiras armadilhas que podem fazer você ficar anos e anos sofrendo com o efeito sanfona. O uso de medicamentos para emagrecer leva à desaceleração do metabolismo, provoca alterações hormonais e causa diversos outros efeitos colaterais.

Esses remédios até podem provocar uma rápida perda de peso, no entanto, quando a pessoa para de tomá-los, é comum engordar tudo novamente. Portanto, tenha muito cuidado. Só tome remédios para emagrecer quando um médico qualificado receitar pra você.

4 – Tome bastante água durante o dia, e não passe fome

Você precisa tomar bastante água durante o dia. Mas o consumo desse líquido deve ser bem distribuído ao longo do dia, portanto, não tome muito de uma vez e fique muito tempo sem tomar novamente.

É importante também não ficar muito tempo sem comer. Longos períodos de jejum podem levar à desaceleração do metabolismo, e como sabemos, isso favorece o acúmulo de gordura no corpo.

5 – Faça exercícios físicos

Os exercícios físicos são importantes para manter o metabolismo sempre ativo, portanto, não descuide, exercite-se pelo menos 3 vezes por semana.

Mas vale um alerta: não pratique exercícios físicos sem se alimentar. Se você fizer isso, poderá perder massa magra, e não gordura. Portanto, alimente-se antes e depois da atividade física, mas sem exageros.

Recomendados Para Você:

Cadastre-se Agora e Receba Nosso Livro Digital e Nossas Dicas de Emagrecimento Saudável No Seu Email. Aproveite, É Grátis!

100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

3 Comentários

  1. Boas informações sobre o assunto. É importante manter a reeducação alimentar após o cumprimento da meta. Disciplina é tudo.

    Parabéns pelo site!

  2. idalina disse:

    há uma dieta de sopa mas foi-me dada por um nutricionista,´s se come á noite e sem azeite fervido sem sal.

  3. EDIVAN GOMES disse:

    Eu trabalho como auxiliar de estacionamento em uma grande rede de supermercados atacadistas, o trabalho é bem puxado no sentido de que o esforço físico é bem intenso, pois carrego muito peso e uso as pernas bastante durante meu trabalho. Eu sou responsável pelo recolhimento dos carrinhos de compra do lugar onde eu trabalho.

    Desde a data em que eu comecei a trabalhar perdi 5 Quilos, mas volta e meia eu ganho 1 Quilo, mas na maioria das vezes ganho somente Meio Quilo.

    Quero saber somente se eu estou passando pelo efeito sanfona?
    E se estou passando, o que devo fazer?

    OBS : Lembrando que eu sempre perco o que ganho em 1 dia no dia seguinte.