O que é mais importante para perder peso: comer menos ou fazer mais exercícios?

Muitas pessoas enfrentam uma luta constante para emagrecer, e nos esforços para vencer essa luta, várias estratégias são utilizadas. As mais comuns são a redução da quantidade de alimento consumido diariamente, e os exercícios físicos.

Mas para emagrecer, o que é mais importante, comer menos ou fazer mais exercícios?

Embora existam muitas dietas, programas de emagrecimento os mais diversos, dicas, conselhos e pesquisas sobre perda de peso, uma forma infalível de se alcançar um peso saudável, e mantê-lo ao longo do tempo, ainda é um mistério.

O organismo de cada pessoa reage de maneira diferente às estratégias de emagrecimento existentes, portanto, é bem complicado saber com total certeza qual é a melhor maneira de conquistar um peso saudável e mantê-lo.

No entanto, existe um consenso de que diminuir o consumo de energia e, ao mesmo tempo, aumentar o gasto energético, é a melhor estratégia conhecida para favorecer a perda de peso.

Os benefícios de comer menos

o que é mais importante comer menos ou exercíciosIngerir menos calorias diariamente é uma estratégia básica para forçar o corpo a utilizar as reservas de gordura que ele construiu ao longo do tempo.

Mas seu corpo precisa receber calorias de qualidade, que forneçam os nutrientes que ele precisa para funcionar de maneira adequada, portanto, apenas diminuir o consumo de alimento de forma indiscriminada não resolverá o problema.

Cortar a ingestão de calorias é uma forma que temos de controlar a maneira como nosso corpo armazena energia, no entanto, essa é uma estratégia que deve ser realizada com cuidado, e com a ajuda de uma nutricionista, para evitar problemas de saúde e efeitos colaterais nocivos, como o efeito sanfona.

A estratégia de comer menos pode até resultar em grande perda de peso no curto prazo, no entanto, quando realizada de forma severa, é muito difícil de sustentar.

Comer menos e seus inconvenientes

Uma desvantagem muito conhecida de utilizar a estratégia de comer menos, é a questão perda de massa muscular.

Se você fizer apenas dieta, ou seja, se apenas reduzir o consumo de alimentos, e não manter uma rotina adequada de exercícios físicos, pode acabar perdendo bastante massa muscular juntamente com a massa gorda.

Além disso, fazer dietas malucas, ou seja, que reduzem consideravelmente a quantidade de calorias consumida diariamente, pode fazer o seu corpo reduzir a velocidade do metabolismo para conseguir lidar com a redução calórica. Isso é muito ruim, pois diminui a perda de gordura, e favorece o efeito sanfona.

Benefícios dos exercícios físicos

Aumentar a quantidade de exercícios que você faz diariamente é uma das principais maneiras de aumentar a queima de gordura.

Além disso, os exercícios são muito bons para te ajudar a vencer a guerra contra a balança sem perder massa magra.

Os exercícios físicos também são grandes aliados da saúde, e podem te ajudar a manter um peso saudável a médio e longo prazo.

Os inconvenientes de focar apenas nos exercícios físicos

Diferente do que muitas pessoas pensam, fazer somente exercícios, sem controlar a alimentação, não é uma estratégia eficaz para quem deseja perder peso.

Se alguém aumenta drasticamente a quantidade de exercícios que realiza diariamente, e mantém isso durante muito tempo, é bem provável que a perda de peso ocorra apenas a partir da mudança de exercício, ou seja, quando essa pessoa começa a fazer exercícios diferentes dos que realiza habitualmente.

Quando alguém aumenta muito a quantidade de exercícios que faz diariamente, e não regula a alimentação, podem acontecer duas coisas:

  • Comer mais como uma forma de se auto recompensar pelo esforço extra;
  • O apetite aumenta, visto que o corpo exige mais energia para compensar a que perdeu durante os exercícios.

Os exercícios são excelentes para a saúde, no entanto, se o seu objetivo é perder peso, precisa fazer mais do que apenas exercícios todos os dias.

A importância de combinar a estratégia de comer menos com os exercícios físicos

No que diz respeito à perda de peso, a combinação dieta e exercícios é uma estratégia muito mais eficaz a longo prazo do que utilizar apenas dieta, ou apenas exercícios físicos.

Portanto, para emagrecer e manter um peso saudável ao longo do tempo, você precisa fazer atividades físicas com frequência e manter uma alimentação balanceada e saudável.

Infelizmente, é bastante comum as pessoas caírem em comportamentos alimentares pouco saudáveis logo que alcançam o peso desejado. Cuidado com isso. Você deve se alimentar de forma adequada por toda a sua vida, além disso, precisa se exercitar sempre.

As diferenças genéticas e a perda de peso

Você já percebeu que algumas pessoas conseguem perder peso rapidamente, enquanto outras, mesmo se esforçando bastante, não conseguem emagrecer, ou encontram enormes dificuldades para conseguir perder alguns quilinhos?

As diferenças genéticas podem ser as responsáveis por essas coisas estranhas e aparentemente injustas.

É por isso que nem sempre as dietas e programas de emagrecimento que existem por aí funcionam de forma igual para todas as pessoas. É por isso também que promessas milagrosas de emagrecimento devem ser encaradas com cautela.

Considerações finais

Não existe uma estratégia infalível de emagrecimento, no entanto, pesquisas científicas chegaram à conclusão de que combinar uma dieta adequada com a prática regular de exercícios físicos é a melhor solução conhecida para perder e manter um peso saudável a longo prazo.

Recomendados Para Você:

Cadastre-se Agora e Receba Nosso Livro Digital e Nossas Dicas de Emagrecimento Saudável No Seu Email. Aproveite, É Grátis!

100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

1 Comentário

  1. Dina disse:

    Combinar as duas estrategias é a melhor forma de perder peso, mas o mais difícil na minha opinião é o foco e a constância na boa alimentação e na rotina de exercícios diários.