Sinvastatina emagrece mesmo?

Perder aqueles quilinhos indesejados é o sonho de muita gente, assim, quando surgem boatos de que um determinado medicamento provoca perda de peso, as pessoas querem logo saber onde conseguir o remédio e como tomá-lo para emagrecer. Esse é o caso sinvastatina. Mas será que a sinvastatina emagrece mesmo?

No artigo abaixo esclareceremos essa dúvida.

É verdade que a sinvastatina emagrece?

Sinvastatina emagrece mesmoA sinvastatina é um medicamento indicado para reduzir os riscos de complicações à saúde provenientes de doenças cardiovasculares.

Esse medicamento tem a capacidade de reduzir os níveis de colesterol mau (LDL) no sangue, bem como os níveis de triglicérides. Por outro lado, ele ajuda a aumentar os níveis de colesterol bom (HDL).

O fígado é a maior fonte de colesterol que existe no organismo, assim, a sinvastatina age diminuindo a produção de colesterol pelo fígado e, ao mesmo tempo, proporciona a remoção do excesso de colesterol da corrente sanguínea.

Esse mecanismo de ação da sinvastatina diminui os riscos de enfarte do miocárdio, derrame, e retarda o avanço da aterosclerose. Além disso, o remédio ajuda a melhorar o fluxo sanguíneo nas pernas e em outros órgãos essenciais, como o coração, por exemplo. Ele também ajuda no combate à angina.

Mas a sinvastatina emagrece ou não?

Apesar de todos esses benefícios que a sinvastatina oferece, esse não é um medicamento indicado para a perda de peso.

Apesar da sinvastatina ajudar a diminuir os níveis de LDL no sangue, isso não é o suficiente para proporcionar uma perda de peso significativa. Além disso, na bula do medicamento é recomendado que o paciente faça uma dieta saudável, justamente para diminuir a ingestão de colesterol e para ajudar o organismo a regular corretamente a produção de colesterol.

Não existe nenhum estudo científico que comprove que a sinvastatina emagrece, portanto, se você deseja perder peso, a melhor opção não é tomar esse medicamento, mas sim manter uma dieta saudável e equilibrada, e praticar exercícios físicos regularmente.

Para te ajudar a perder peso com saúde, recomendamos que você leia os seguintes artigos:

Além da sinvastatina não ser um medicamento recomendado para quem deseja perder peso, ele também pode provocar alguns efeitos colaterais bastante desagradáveis.

Efeitos colaterais da sinvastatina

Apesar de ser um medicamento bem tolerado, a sinvastatina pode provocar alguns efeitos colaterais. Veja alguns deles abaixo:

  • Tonturas
  • Câimbras musculares
  • Anemia
  • Náuseas e vômitos
  • Diarreia
  • Pancreatite
  • Erupção cutânea
  • Prurido

Contraindicações

O uso de sinvastatina é contraindicado para mulheres grávidas ou que estejam amamentando.

Mulheres que desejam engravidar também não devem tomar sinvastatina.

Pessoas que estiverem sofrendo com alguma doença do fígado também não devem fazer uso do medicamento.

Considerações finais

Muitas pessoas desejam perder peso de maneira fácil e sem esforço, assim, buscam remédios para emagrecer, mas se esquecem de que os medicamentos devem ser utilizados apenas quando a dieta e os exercícios não funcionam. Além disso, esses medicamentos devem ser tomados apenas sob orientação médica, e nunca por conta própria.

Nenhum remédio para emagrecer faz milagres, portanto, se você deseja perder peso e manter o peso ideal ao longo do tempo, procure se alimentar de maneira adequada, e abone os hábitos sedentários.

Recomendados Para Você:

Cadastre-se Agora e Receba Nosso Livro Digital e Nossas Dicas de Emagrecimento Saudável No Seu Email. Aproveite, É Grátis!

100% livre de spam.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

5 Comentários

  1. geni disse:

    Quero recebe informações sobre dietas

  2. Luana disse:

    Olá, acabei de passar pela medica para pegar um remédio para o colesterol, e ela me indicou o sinvastatina e informou também que com ele eu vou perder peso!

  3. Fernando Costa disse:

    Acho que está na hora de mudar esta pauta, LDL não é ruim e novas pesquisas mostram quem existem 2 tipos de LDL, o A e o B, sendo que o A não tem como formar placas ateromatosas, enquanto o B tem. O problemas está no grande consumo de carboidratos simples e açucar que a atual sociedade consome. O aumento dos triglicerideos sim é importante tratar. Mas LDL alto versus triglicéridos baixo não indicam mais riscos cardiovasculares. Está na hora de a comunidade medica chegar a um consenso, pois a Sinvastatina uma vez bloqueando a HMG-Coa redutase causa diversos problemas, tanto a nível de fígado como mental. Infelizmente o LDL ainda tem que ser o vilão para que se consuma sinvastatinas, enquanto as pesquisas de 1950 tiverem valendo.

  4. frederico disse:

    quem é vc, Fernando? Um estudante, um medico? De onde tirou essas informacoes de que esse medicamento eh ruim para o cerebro e figado? Eu nao sou medico nem estudante de medicina e fiquei intrigado com sua informacao